Infraestrutura de TI – O que considerar ao estruturar sua

Raphael Gomes - 14/10/2016

Com as intensas mudanças no cenário mundial a partir da década de 70, o paradigma do processo em massa foi substituído pela tecnologia da informação (infraestrutura de ti)

 

Nesse cenário, a informação passa a ser a matéria-prima. A lógica de redes e a flexibilidade em reorganizar componentes e processos também são características desse novo modelo. (WERTHEIN, 2000)

 

No final da década de 90, o surgimento e a consolidação do uso de novas e revolucionárias tecnologias alterou o rumo de execução das atividades tradicionais, lembra como era fazer uma pesquisa antes do Google?

 

E isso não ocorreu somente no ambiente empresarial, mas também no campo educacional através da educação à distância, das bibliotecas virtuais, do correio eletrônico, da videoconferência, dos portais corporativos, dos fóruns de discussão virtuais e das tecnologias de voz sobre IP, hoje em dia podemos encontrar quase tudo através de alguns cliques.

 

As organizações para serem inteligentes precisam disponibilizar produtos de qualidade, praticar bom atendimento, adequar sua política de venda, pós venda e preços aos clientes, cumprir prazos predefinidos e estar atentas às mutações do mercado.

 

Essas exigências forçam as organizações reverem seus valores comerciais, humanos e tecnológicos, o que por si só, não garantem as principais metas organizacionais e a inteligência empresarial. Segundo analistas, mais de 70 por cento de um típico orçamento de TI é gasto em infraestrutura, como servidores, sistemas operacionais, armazenamento e rede.

 

Acrescente a isso a necessidade de renovar e gerenciar os dispositivos móveis e de estação de trabalho e terá uma série notável de desafios a serem enfrentados pela infraestrutura de TI.

 

Um trunfo estratégico é a base fundamental sobre a qual o software pode realizar os serviços e as aplicações de usuários que uma empresa precisa para funcionar com eficiência e obter sucesso.

 

Para muitas organizações, crescimento e desenvolvimentos rápidos em novas tecnologias resultaram em infraestrutura de estações de trabalho e centros de dados extremamente complexas, inflexíveis, e difíceis de gerenciar, com custos embutidos que não apenas são altos, mas também de certo modo fixos, independentemente dos diferentes requisitos de cada empresa.

 

A visão de otimização de infraestrutura consiste em construir uma infraestrutura e serviços de TI eficientes, seguros e otimizados em uma sequência lógica. Uma infraestrutura de TI otimizada se baseia em padrões e assegura a conformidade com aqueles padrões. Conforme a infraestrutura de TI alcança um novo nível, também gera significativa redução de custos, aumento da segurança e melhorias em disponibilidade e gerenciamento.

 

O Modelo de Otimização de Infraestrutura da Microsoft

 

Desenvolvido com as melhores práticas industriais e com as próprias experiências com seus clientes. Ele é baseado no Modelo de Maturidade de Infraestrutura do Gartner e no Modelo de Maturidade de Arquitetura do MIT e ajuda seu público entender e subsequentemente melhorar o estado atual de sua infraestrutura de TI e o que isso significa.

 

Ele descreve passos que as empresas precisam tomar para entenderem onde estão hoje e então, planejarem e criarem um ambiente de TI que seja bem gerenciado, seguro e eficiente. No seu estágio mais maduro, o departamento de TI é incorporado ao negócio como um ativo estratégico, auxiliando a empresa a crescer e obter o sucesso desejado.

READ  Dicas - Segurança Online

 

Uma infraestrutura de TI otimizada baseia-se em padrões de TI e assegura a conformidade com esses padrões. Com cada nível de otimização, a infraestrutura de TI também gera significativa redução de custos, aumento da segurança e melhoria da disponibilidade e gerenciamento.

 

Como qualquer bom investimento, você precisa construí-lo. Aumentar o seu valor ao longo do tempo. E com a ajuda da Thinwork, você pode fazer exatamente isso, com um de seus investimentos de negócios mais significantes, sua infraestrutura de TI.

 

O primeiro passo para é avaliar em que nível de maturidade a empresa está, dentro do modelo.

 

Uma vez que o nível atual de maturidade tenha sido estabelecido, o próximo passo é usar o modelo para desenvolver um plano de como progredir através de cada nível de maturidade, a fim de alcançar a meta necessária para obter o máximo benefício nos negócios.

                                                      Infraestrutura de TI 2

 

O Modelo de Otimização da Infraestrutura é formado por 4 níveis:

 

  • Básico: processos manuais e locais; controle central mínimo; e políticas de TI e padrões para segurança, backup, gerenciamento de imagens e conformidade de implantação e outras práticas de TI comuns inexistentes ou não impostas. A saúde geral de aplicações e serviços é desconhecida devido à falta de ferramentas e recursos. Geralmente, todas as atualizações, implantações de software e serviços são feitos manualmente.

 

  • Padronizado: A infraestrutura Padronizada introduz controles através do uso de padrões e políticas para gerenciar estações de trabalho e servidores; para controlar a maneira como máquinas são incorporadas à rede, e pelo uso do serviço de diretórios Active Directory® para gerenciar recursos, políticas de segurança e controle de acesso. Clientes em um estado Padronizado constataram o valor de padrões básicos e algumas políticas, porém ainda têm espaço para melhorar. Geralmente, todas as atualizações, implantações de software e serviços de estação de trabalho são fornecido através de intervenção média com custo de médio a alto. Essas organizações possuem um inventário razoável de hardware e software e estão começando a gerenciar licenças. Medidas de segurança são melhoradas através de um perímetro bloqueado, mas a segurança interna pode ainda ser um risco.

 

  • Racionalizado: A infraestrutura Racionalizada é onde os custos envolvidos no gerenciamento de estações de trabalho e servidores ficam mais baixos e processos e políticas foram otimizados para começar a desempenhar um grande papel no suporte e expansão dos negócios. A segurança é bastante proativa e a reação a ameaças e desafios é rápida e controlada. O uso de implantações sem intervenção ajuda a minimizar custos, o tempo de implantação, e desafios técnicos. O número de imagens é mínimo e o processo de para gerenciar estações de trabalho precisa de pouquíssima intervenção. Esses clientes têm um inventário de hardware e software claro e compram somente as licenças e computadores de que precisam. A segurança é extremamente proativa com políticas e controle rígidos.

 

  • Dinâmico: Clientes com uma infraestrutura Dinâmica são totalmente cientes do valor estratégico que sua infraestrutura proporciona em ajudá-los a administrar seus negócios eficientemente e ficar à frente dos concorrentes. Os custos são completamente controlados; existe integração entre usuários e dados, estações de trabalho, e servidores; a colaboração entre usuários e departamentos é difundida; e usuários móveis possuem níveis de serviço e capacidades quase presenciais, independentemente da localização. Processos são totalmente automatizados, geralmente incorporados na própria tecnologia, permitindo que o TI seja alinhado e gerenciado de acordo com as necessidades de negócios. Investimentos adicionais em tecnologia resultam em benefícios específicos, rápidos e mensuráveis para a empresa. O uso de software de autoconfiguração e sistemas como de quarentena para assegurar gerenciamento de atualizações e conformidade com políticas de segurança estabelecidas permite que a organização de infraestrutura Dinâmica automatize processos, ajudando assim a melhorar a confiabilidade, baixar custos e aumentar os níveis de atendimento. A avaliação e a evolução do ambiente de TI são feitas atribuindo-se um destes 4 níveis a 5 cenários (ou cargas de trabalho). São eles:
READ  Conheça a ferramenta que vai transformar sua câmera no Google

 

  • Gerenciamento de Identidades e Acesso;
  • Gerenciamento de Estações de Trabalho, Dispositivos e Servidores;
  • Proteção e Recuperação de Dados;
  • Segurança e Redes;
  • Processos de TI e Segurança.

 

Cenário 1: Gerenciamento de Identidades e Acesso

 

O cenário de Gerenciamento de Identidades e Acesso descreve como os clientes devem gerenciar identidades de pessoas e ativos, soluções que devem ser implementadas para gerenciar e proteger dados de identidade, e como gerenciar o acesso a recursos a partir de usuários corporativos móveis, clientes, e/ou parceiros que estejam fora das dependências físicas da empresa.

 

O cenário envolve tecnologias fundamentais como o serviço de diretórios Active Directory, Active Directory Federation Service, Serviços de Certificados, uso de cartões inteligentes e ferramentas como Integrated Lifecicle Manager 2007.

 

Tem como objetivos principais:

  • Reduzir o número de identidades digitais, centralizando o gerenciamento das mesmas;
  • Unificar os diretórios (exemplo sistemas de CRM, financeiro, contas de e-mail, contas de rede) garantindo o logon único (Single Sign-On);
  • Reduzir o custo de gerenciamento de contas de usuário;
  • Facilitar a experiência de logon dos usuários;
  • Implantar uma administração baseada em funções;
  • Controle efetivo dos direitos dos usuários em estações de trabalho.

 

Cenário 2: Gerenciamento de Estações de Trabalho, Dispositivos e Servidores

 

O cenário de Gerenciamento de Estações de Trabalho, Dispositivos e Servidores descreve como os clientes devem gerenciar estações de trabalho, dispositivos móveis e servidores, além de como implantar atualizações, sistemas operacionais e aplicações por toda a rede.

 

O cenário envolve produtos como Windows Server 2003 R2, System Center Configuration Manager 2007, System Center Operations Manager 2007, Windos XP SP2 ou Windows Vista em estações de trabalho.

 

Tem como objetivos principais:

  • Consistência e padronização da experiência em estações de trabalho em toda a empresa;
  • Implantação mais barata e rápida de estações e servidores de rede;
  • Redução no volume de chamadas de suporte;
  • Redução de custos de suporte, operacionais e de manutenção;
  • Respostas pró-ativas aos usuários e antecipação de incidentes;
  • Alto grau de automação em todos os serviços de TI;
  • Aumento significativo na segurança.

 

Cenário 3: Proteção e Recuperação de Dados

 

O cenário de Proteção e Recuperação de Dados oferece um gerenciamento estruturado e disciplinado de backup, armazenamento e restauração. À medida que as informações e dados proliferam, as organizações ficam sob pressão crescente para proteger as informações e fornecer recuperação eficaz em termos de custo e de tempo quando necessária.

READ  Nova geração de processadores da Intel se prepara para chegar ao mercado

 

O cenário envolve tecnologias como Windows Server 2003 R2, Backup do Windows e System Center Data Protection Manager.

 

Tem como objetivos principais:

  • Definição de uma estratégia de gerenciamento de dados corporativos que gere estabilidade na organização, o que melhora a produtividade;
  • Definição de SLAs (acordos de níveis de serviço), melhorando o relacionamento da empresa com a organização de TI;
  • Adequação aos regulamentos governamentais de armazenagem de documentos;
  • Proteção Contínua de Dados, garantindo a continuidade dos negócios e alta disponibilidade.

 

Cenário 4: Segurança e Redes

O cenário de Segurança e Redes descreve o que os clientes devem considerar implementar em sua infraestrutura de TI para ajudar a garantir que as informações e comunicações estejam protegidas de acesso não autorizado. Também fornece um mecanismo para proteger a infraestrutura de TI de ataques de negação de serviço e vírus, ao mesmo tempo em que preserva o acesso a recursos corporativos.

 

O cenário envolve produtos como Windows Server 2003 R2, ISA Server 2006, IAG 2007, System Center Configuration Manager 2007, System Center Operations Manager 2007, linha Forefront e Windows Vista. Tem como objetivos principais:

 

  • Uma infraestrutura mais estável e segura;
  • Definição de políticas de segurança;
  • Redução nas chamadas de suporte relacionadas a vulnerabilidades;
  • Menor downtime devido a infecções, instabilidade e baixo desempenho de estações de trabalho;
  • Maior produtividade dos usuários;
  • Maior controle e visibilidade sobre cada ativo de rede.

 

Cenário 5: Processos de TI e Segurança

 

O cenário de Processos de TI e Segurança (leia mais sobre segurança aqui) oferece orientação de melhores práticas comprovadas sobre como projetar, desenvolver, operar e dar suporte a soluções de maneira eficaz em termos de custo ao mesmo tempo em que atinge alta confiabilidade, disponibilidade e segurança. Embora seja necessária uma tecnologia sólida para atender às necessidades de serviços de TI confiáveis, disponíveis e altamente seguros, a tecnologia por si só não é suficiente: excelência em processo e pessoal (habilidades, funções e responsabilidades) também é necessária.

 

O cenário envolve metodologias como Microsoft Operations Framework (MOF) e produtos como System Center Configuration Manager 2007.

 

Tem como objetivos principais:

  • Documentar operações de TI;
  • Gerenciar mudanças no ambiente;
  • Gerenciar configurações dos elementos da rede ;
  • Definição de SLAs para todos os serviços de rede ;
  • Automatizar fluxos de trabalho nos processos de TI e no auto suporte do usuário.

 

Conclusão

 

Atualmente, uma boa Gestão de Infraestrutura de TI faz com que as empresas tenham um setor de Tecnologia enxuto, funcionando corretamente, sem desperdício de tempo ou de recursos financeiros.

 

Pode levar uma empresa a economizar, melhorar processos do setor e de outros setores, produzir mais em menos tempo e ter empregados mais motivados a trabalhar. Pois através de uma infraestrutura tecnológica de qualidade, consegue-se criar um bom ambiente de trabalho e com isso motivar os funcionários.

 

E por estar embrenhada em todos os setores da organização é que a Gestão de Infraestrutura de TI é tão importante.
As operadoras em si não montam infraestruturas de TI, como diferencial, a Città o auxilia e ajuda com dicas e indicações para estar otimizando seu trabalho.

comments

Fique por dentro das novidades do Blog Città

Assine nossa newsletter e receba os artigos por email!

Artigos Relacionados