Chegada de Apple Pay no Brasil, só funciona apenas com cartões do Itaú

Pauliran Martins - 05/04/2018

Aplicativo foi lançado com sistema temporário exclusivo

 

Nessa última quarta-feira (4), a Apple Pay finalmente lançou o seu sistema de pagamento móvel no Brasil, em uma parceria exclusiva de 90 dias com a instituição financeira Itaú Unibanco.

 

 

Apesar do Itau ter aderido de forma tardia aos sistemas de pagamento móvel, a instituição já trás com exclusividade,  campanhas e ações promocionais feitas em algumas redes de varejo como o (Pão de Açúcar e a The Fifties).

 

 

Os clientes do banco que possuem cartões expedidos e usuários de iPhone 6 ou superior, já podem cadastrar seus cartões para efetuar compras nas redes credenciadas.

softwares pagamento (Imagem: Divulgação / Itau)

 

Com a chegada da plataforma no país, o Brasil se torna o 21º a receber o sistema como segmento de pagamentos feitos por dispositivos móveis. Isso porque o Apple Pay estreia com certo atraso no Brasil, diferente da Samsung Pay, sua principal concorrente que estreou em julho de 2016, da mesma maneira que o Android Pay foi liberado em novembro de 2017.

 

COMO FUNCIONA O SISTEMA?

 

Para utilizar o Apple Pay, deve ser realizado o cadastramento do cartão por meio do aplicativo Wallet e seguir as instruções na tela. Após o registro pelo dispositivo móvel,  estarão disponíveis os pagamentos em estabelecimentos com máquinas compatíveis ao sistema. As transações são feitas aproximando o aparelho da máquina e exige autenticação através da leitura de impressão digital ou via Face ID, no caso do iPhone X. O registro gera um protocolo de conta que após ser criptografado, é enviado junto a compra para que a bandeira do cartão seja identificada para o cliente.

Pagamento de serviço (imagem: Reprodução / Veja)

 

Se o aparelho escolhido for o Apple Watch, basta clicar duas vezes no botão lateral e aproximá-lo da maquina de pagamento. Segundo a Apple, 80% dos donos já utilizam o dispositivo digital para efetuar pagamentos. Curiosamente, o Itaú ainda não oferece suporte aos sistemas da Google e da Samsung, sendo exclusivo apenas para dispositivos Apple.

 

READ  Óculos VR é a tecnologia com mais chances de 'matar' o iPhone

 

Apesar de ter sido criado há três anos, o Apple Pay faz parte da área de negócios que já é a segunda que mais movimenta dinheiro para a Apple. Englobando ainda mais os conteúdos digitais, como o AppleCare. Essa divisão faturou US$ 8,471 bilhões no trimestre encerrado em dezembro de 2017 e desbancou o segmento de computadores, da qual as estrelas são os Macs.

 

ATIVIDADES DE NEGÓCIO?

 

No Brasil, a previsão é  que o Apple Pay irá ser utilizado por 1,2 milhão de pessoas. A probabilidade de acesso dos clientes do Itaú no sistema por meio de um dispositivo móvel da marca, foram consideradas com base nos 12 milhões correntistas que usam o app do banco.

 

 

O diretor executivo da Kopel, em entrevista para o G1 diz  "… que a evolução constante na área de pagamentos digitais é um passo importante no contexto do Apple Pay” e acrescenta que se trata “do início da jornada” da instituição em meio a essas ferramentas digitais.

 

 

Para Kopel, a maioria das lojas está pronta para efetuar as transações e pagamentos sem o contato dos cartões. Já que 80% dos terminais de lojas físicas possuem NFC, de acordo a pesquisa de empresas, que já aceitam o Apple Pay como  a rede  de alimentos  (Casa do Pão de Queijo) dentre outras lojas digitais e aplicativos.

 

PREÇO

 

Nos mais de 20 mercados em que o Apple Pay já funciona, a Apple cobra um percentual sobre o valor da compra. O Itaú em negociação com empresas no Brasil, não prevê  tais cobranças por aqui, assim o cliente não pagará nada e o varejista irá arcar com os custos da transação como qualquer outra feita com cartão de crédito.

 

 

Tanto a Apple quanto Itaú deixam claro que a chegada do serviço ao Brasil, demorou um pouco devido a ajustes no acordo de parcerias, mas que o serviço estará em pleno funcionamento para seus clientes de maneira exclusiva por um período de tempo.

 

READ  Carol, plataforma de inteligência artificial da TOTVS

 

Via: @G1; @techtudo e @singularityhub

 

 

Fique por dentro sobre tudo de tecnologia e outras notícias através do @blogcittà

comments

Fique por dentro das novidades do Blog Città

Assine nossa newsletter e receba os artigos por email!

Artigos Relacionados